Como se preparar para a cama com o marido

Eu gosto dos meus parentes, mas detesto quando eles vem passar uns dias aqui em casa.

2019.12.26 19:59 zedaoisok Eu gosto dos meus parentes, mas detesto quando eles vem passar uns dias aqui em casa.

Minha avó, minha tia, o marido dela e o filho de 6 anos deles vieram aqui no dia anterior ao natal e aparentemente vão ficar por mais alguns dias.
No primeiro dia foi tudo muito legal, eles chegaram, a gente se reencontrou, conversamos, colocamos alguns assuntos em dia e tudo mais, e tudo tava normal. Depois a situação foi começando a ficar meio chata: acontece que o marido da minha tia, que aqui eu chamarei de S, é um cara folgado e inconveniente pra caralho, ele é do interior, meio ignorante, não tem instrução, então eu nem chego a odiar ele, mas algumas atitudes dele me irritam muito, e apesar da minha mãe também reclamar dele para mim, é justamente ela quem dá espaço pro cara fazer o que ele bem quer e entende na nossa casa e isso me irrita pra caramba.
Pra começar, dois dias atrás eu estava tranquilo no meu quarto, quando minha mãe abre a porta e me pergunta se tem algum problema S vir pro meu quarto pra descansar na minha cama (isso foi depois do almoço, por volta das 15h). Ela me disse que ele estava dormindo no sofá, então eu falei que ele continuasse lá e me deixasse sozinho no quarto, isso não ia matar ele e ela tava se preocupando atoa, sendo que na noite anterior eu inclusive tinha dormido no sofá pra minha avó poder dormir na minha cama. Ela aparentemente ignorou meu pedido, foi lá, ACORDOU o cara e CHAMOU ele pra dormir na minha cama, como se ela fosse a anfitriã do papa ou alguém mega importante, que merece todo o luxo do mundo.
Beleza, minha mãe errou aí, mas se vc tivesse na situação de S, o que vc faria?
1- Como pessoa educada e com bom senso, se recusaria a ir dormir no quarto, já que tem alguém lá dentro, fazendo qualquer coisa que seja
2- Aceitaria e entraria no quarto de alguém que vc nem sabe se tá confortável com sua presença, violando a privacidade dela
Eu escolheria a 1, seja na casa de quem fosse. S escolheu a opção 2.

Depois disso, S PEDIU que comprassem um vinho suave SÓ PRA ELE tomar na ceia de natal, pq ele "odiava" todos 20 vinhos que tem na adega aqui de casa, minha mãe, como boa trouxa, foi e atendeu o pedido dele. ELE NÃO PAGOU pelo vinho que tomou. Ah, também tem os arrotos e os peidos que o cara dá com todo mundo presente, se achando o engraçadão, o próprio tiozão do pavê com as faltas de educação dele. Ia até falar qual é o político que ele apoia, mas não vem ao caso, acho que já deu pra saber. Como se não bastasse, o filho dele é tão mau educado quanto ele, putss, ô molequinho irritante, bagunceiro, teimoso, chorão, mal criado, capaz de encher o saco de qualquer um. Teve a quem puxar. O gênio é o mesmo. Esse menino me faz entender com clareza o motivo de muita gente não querer ter filhos.
Todos eles colocaram as malas e bolsas no meu quarto, sempre fazem isso quando vem pra cá, até consigo entender pq na casa não tem muito espaço. Porém, por conta disso, sempre tem alguém entrando aleatoriamente no meu quarto, pra pegar alguma roupa, pegar escova, pegar toalha, sabão, fazer qualquer coisa e minha tia e minha avó entram sem bater, sem perguntar se pode entrar. Isso S pelo menos faz.
Além disso tudo, minha mãe pagou 600 reais na ceia, foi tudo do bolso dela, ajudou a preparar todas as comidas, sobremesa e o pessoal da família ainda teve a cara de pau de embalar as sobras da ceia para levar para a casa deles. De algumas comidas não sobrou nada no dia seguinte pq eles pegaram os últimos pedaços. Eles comeram tudo de graça, tudo foi pago por outra pessoa, o mais sensato seria que PELO MENOS deixassem as sobras na casa.
Enfim, gosto de todos eles, mas o problema começa quando eles vem aqui dormir alguns dias.
submitted by zedaoisok to desabafos [link] [comments]